Categoria: Mamães

Chá de bebê do Teo

Com tanta coisa linda no universo da maternidade, como escolher o tema para o chá de bebê?” Essa foi a minha duvida quando comecei a pensar no chá do Teo.

Compartilhe: , , pinterest

Com tanta coisa linda no universo da maternidade, como escolher o tema para o chá de bebê? Essa foi a minha duvida quando comecei a pensar no chá do Teo! Sim! Escolhemos o nome do nosso mini!

Fazer o chá de bebê nos Estados Unidos parece a coisa mais fácil desse mundo, né? Existe uma loja chamada Party City que é de deixar qualquer um louco. Especializada em artigo de festas, eles oferecem praticamente tudo para decorar um chá de bebê, desde forminhas de cupcake até as cores dos balões combinando. Pratico, né? O trabalho é só entrar na loja, escolher um tema deles e pronto! Mas para quê facilitar a vida se eu posso complicar, não é verdade? rs Já ouvi isso de muitos amigos e familiares! O maridão e eu gostamos de personalizar as coisas à nossa volta. Tem que ter a nossa cara, sabe? Desde o nosso casamento até a decoração da nossa casa, escolhemos item por item. Da muito trabalho e gastamos o dobro do tempo, mas somos felizes assim! =)

Escolhemos o tema “Brinquedos Antigos” para o chá! Para a decoração usei brinquedos que nos faziam felizes na década de 80/90 (rs), flores e balões! Garimpei em lojas por aqui (Marshalls, Michaels), online (Etsy, Amazon) e algumas coisinhas vieram do Brasil. Falando em nosso país, as lembrancinhas foram inspiradas em doces da nossa infância. Como tinhamos muitos convidados de outras culturas, resolvi fazer um “pacotinho” de doces antigos brasileiros. Usei bolsinhas de papel craft (brown bags) e uma tag explicativa. Lembram dos dadinhos, chupetinha de açúcar, teta de nega, doce de abóbora de coração e doce de leite mumu? Pois foram eles que fizeram a alegria dos nossos amigos! Foi super legal apresentar um pouquinho da cultura brasileira para eles. O convite foi o maridão quem desenhou (ele adora robôs), mandamos imprimir e compramos os envelopes separados. Adoro a praticidade e o baixo custo do DIY (faca você mesmo).

O processo de criação e preparativos para o chá são super legais, mas nada disso teria sentido se não fosse nossos amigos e famílias. Tivemos uma grande ajuda da nossa família colombiana por aqui, mas teve um time muito especial que não mediu esforços para estar aqui com a gente nessa data tão feliz. Minha mommy linda, a vovó babona do Teo, que não perde um evento desde que soube da gravidez (ela que veio com a mala lotada de doces do Brasil, rs), e minhas amadas amigas e sócias, Rebeca e Beatriz, que fizeram um bate e volta até o outro lado do continente para participar desse momento das nossas vidas. Não tenho palavras para agradecer tamanha disposição e amor com o nosso Teo! São atos assim que me fazem acreditar no amor puro e despretensioso, e ser grata diariamente pelas pessoas que Deus colocou em minha vida. Amamos vocês!

Se alguém precisar de ajuda com esse tema de chá, me manda um recadinho! Ficarei feliz em ajudar!

Deixe um recado

* requerido